Posts Tagged ‘DIY’

The Salsinha and Cebolinha Experience

9 de junho de 2015

Olá a todos!

Decidi fazer um projeto Faça Você Mesmo Green e com um visual de encher os olhos, além de prover a sua família com temperos fresquinhos direto da cozinha mesmo.

A algum tempo, comprei salsinha e cebolinha pré plantadas, mas por fim, elas acabam morrendo porque você se ausentou no final de semana ou por esquecer das plantinhas por uns dois dias. Então andei pesquisando soluções high tech e low tech para resolver o problema.

Comecei pelas soluções high tech, mas além de caras, iriam tomar muito tempo para executar, acabei descobrindo um plantio interessante, por capilaridade ou sub irrigação. Normalmente essas soluções duram uns 7 a 10 dias sem irrigar além de serem excelentes para o cultivo de tomates, temperos, e até mesmo morangos. Além de terem pouca manutenção.

Achei um projeto interessante e não testado no thingiverse, link no final do artigo. Importei o projeto para o blender3D, fiz um check de todas medidas, e parecia tudo em ordem, então resolvi imprimir e testar.

Planter Parts

Planter Parts

Após impresso, tudo que você irá precisar:

– copo tipo latte médio

– pedaço de corda de nylon ou polypropileno de 10mm, longo o suficiente para pegar no fundo do copo.( se vc tiver dúvida se a corda é boa, basta colocar ela dentro de um copo meio cheio, e verificar se a água sobe pela corda dentro de uns 5min )

– substrato arenoso, não use terra comum, a água deve passar com facilidade pelo substrato.

– manta Bidim é opcional, dependendo do tipo de drenagem que tiver o substrato.

Planter Semi Montado

Planter Semi Montado

Coloquei a manta de bidim, e achei que tomou muito espaço, lembrem de dar um nó na corda dentro do copo, para ela não descer com o tempo.

Bidim e Corda

Bidim e Corda

Achei meio tumultuado, acabei optando ir sem bidim mesmo. Coloquei o substrato, transplantei as mudinhas, e efetuei a rega, para o substrato acomodar. É importante dizer que o substrato deve ficar bem fofo, não compactem ele!

Substrato e Plantas

Substrato e Plantas

Agora ficou faltando um pequeno detalhe, o projeto original tem um suporte para uma lâmpada de led com cabo flexível que não vou utilizar, então acabei dando um novo propósito para esse suporte, coloquei uma tesourinha de inox, que vai servir para colheita e poda.

Planter completed

Planter completed

Fica aí um projeto e uma ideia legal, para aqueles que procuram algo rápido, bonito, fácil, sem muita manutenção e sobretudo legal.

Abração!

-Antonio

Link: http://www.thingiverse.com/make:141961

Anúncios

Troublemaker 3D Printer – Adjustments

29 de março de 2015

Boa Noite Pessoal !

Boas notícias a respeito da minha impressora Troublemaker/Ultimaker. Comecei a regular a máquina e as coisas estão indo super bem, apesar do pouco tempo que disponho desde o nascimento da minha filha.

Resfriamento Ativo do SSR DC DC da Mesa Aquecida

Resfriamento Ativo do SSR DC DC da Mesa Aquecida

Quando liguei a máquina e coloquei tudo para aquecer já percebi alguns problemas na distribuição da carga entre as fontes e percebi que o SSR DC DC de 40A estava aquecendo demais, depois de extensiva pesquisa acabei colocando meio dissipador de SSR ( tive que cortar para caber embaixo da máquina ) e para compensar acabei colocando dois fans 30×30 24v dedicados para o resfriamento do SSR. A nova distribuição da carga ficou jóia, fonte pequena para os 5 motores e o restante na fonte grande.

Extrudando pela primeira vez no E3D V6

Extrudando pela primeira vez no E3D V6

Depois foi a hora de apanhar das extrusoras, foi uma briga tão feia que os detalhes vão ficar para os próximos capítulos.

Painel de Plexiglass frontal

Painel de Plexiglass frontal

Aproveitei para testar se os painéis de plexiglass se encaixavam corretamente. A fixação deles é feita através de imãs.

Alinhamento do painel

Alinhamento do painel

Na foto acima é possível perceber que o alinhamento do plexiglass ficou perfeito com a máquina. Só vou colocar definitivamente os painéis depois que a máquina estiver calibrada.

Primeiros objetos de regulagem

Primeiros objetos de regulagem

Acima estão alguns objetos de calibragem da máquina, esses são especificamente para a regulagem das camadas superiores. Estou usando um novo software de fatiar as peças, então estou acabando levando mais tempo que o de costume. Mas estou tomando notas para postar aqui no blog.

Abração e Boa Noite!

Antonio Santos

Troublemaker 3D Printer – Dual E3D v6 Hotend and Extruders

8 de janeiro de 2015

Feliz 2015!

Continuando a montagem da Troublemaker/Ultimaker, chegaram os motores de passo com engrenagens planetárias, possibilitando a continuação da montagem do hotend e dos extrusores bowden.

Extrusores bowden são extrusores que conduzem o filamento através de um tubo de PTFE até o hotend, deixando a cabeça de impressão mais leve para trabalhar em altas velocidades sem muita inércia.

Motores com redução e trator MK7, e extrusoras com acoplamentos e rolamentos.

Motores com redução e trator MK7, e extrusoras com acoplamentos e rolamentos.

Aproveitei que o Rodrigo ( aka Gametha) estava de férias em goiânia e ele me ajudou com umas modificações e na instalação dos dois E3D v6 no suporte que desenvolvi, ainda está faltando as ventuinhas de 30x30x10mm e 24v que tive que encomendar de fora, porque não encontrei aqui no Brasil.

Suporte Dual E3D V6 com hotends (bicos) instalados.

Suporte Dual E3D V6 com hotends (bicos) instalados.

Seguindo a orientação do Rodrigo, aumentei um pouco o suporte das ventuinhas 2mm para cada lado, para acomodar melhor os fios dos cartuchos aquecedores de 24v.

Dual Hotend E3D com Termopar tipo K e cartuchos de 24v.

Dual Hotend E3D com Termopar tipo K e cartuchos de 24v.

Volto a postar fotos ainda essa semana se tudo correr conforme o planejado.

Abração!

Antonio Santos

Troublemaker 3D Printer – Montagem Eletrônica – Parte II

15 de dezembro de 2014

Olá a todos!

seguindo a instalação dos eletrônicos na Troublemaker 3D Printer. Até agora, tudo tem sido muito tranquilo, ainda estou aguardando algumas peças pequenas chegarem, mas nada impede de continuar a montagem.

Como vou usar dois hotends da E3D, ainda estou aguardando o “CARKO” da elektronik.si me enviar o design do montante/suporte para dois bicos, ele gastou um bom tempo nesse design e ficou muito legal mesmo, espero poder mostrar para vocês aqui no blog em breve.

Placa Controladora

Placa Controladora

Hoje vou dar ênfase na placa mãe da elektronik.si, que é comercializada pela planet-cnc, essa placa foi desenvolvida para a troublemaker, com o intuito de economizar o espaço embaixo da impressora, para outros itens, além de incorporar LCD, potênciometro e etc, e sem deixar de ser 100% compatível com a eletrônica original da ultimaker original.

Detalhe das placas com AD597

Detalhe das placas com AD597

Uma das grandes sacadas dessa placa são as placas com conversor AD597 para uso de termopar nos hotends, que você tem a opção de remover somente se for usar, vale a pena lembrar que o kit da planet-cnc só vem com um chip, e você deve pagar a parte para popularem o outro, caso pense em usar dois hotends.

Conversores AD597 Removidos

Conversores AD597 Removidos

Removi os dois, porque vou usar dois hotends, e vou precisar dos dois nesse projeto.

Placa com LCD Verde

Placa com LCD Verde

O LCD Verde da placa original com backlight é bem legal, até coloquei assim na troublemaker preta, mas o esquema de cores da minha máquina pediu pra trocar o LCD por um azul.

Placa com LCD Azul

Placa com LCD Azul

A troca do LCD é bem sossegada, e só é necessário um bom ferro de solda e um bom sugador de soldas(dessoldador).

LCD Desligado

LCD Desligado

Montei o LCD no lugar e ficou bem legal o aspecto geral da máquina.

LCD Ligado

LCD Ligado

O LCD ligado, mas ainda sem sensores e outras ligações. A mancha mais clara no LCD é porque ainda está com a película de proteção de fábrica, que vou remover assim que concluir a montagem da máquina, para evitar danos durante a montagem.

Abração!

Antonio Santos

Prusa I3 – Fotos de Impressões

4 de setembro de 2014

Bom pessoal,

estive bastante ocupado com a prusa i3, fiz umas 100 horas de impressão nela, incluindo impressões de 8h e impressões de 20h sem parar. A Prusa i3 se provou uma impressora, com uma velocidade e resolução impressionantes( lembrando que minha máquina já veio com pololus black edition e bico all metal de 1.75mm ). Fiz dezenas de anotações sobre a calibração e até mesmo algumas customizações no firmware do repetier que pretendo dividir com vocês nos próximos dias.

seguem algumas fotos de algumas impressões feitas com a prusa i3 que comprei aqui mesmo em São Paulo:

O Culto ao Moai

O Culto ao Moai

O Moai acima levou 20 horas para ser impresso a 0.1mm de resolução, a qualidade dele é perfeita, não tem detalhes. O material utilizado foi PLA Cinza.

Mini Robos descobrem o fogo

Mini Robos descobrem o fogo

Esses são robozinhos que foram feitos para testes químicos de PLA cinza e preto. Foram feitos com uma resolução de 0.35mm.

Moai em impressão

Moai em impressão

Acima, uma foto do Moai ainda em impressão( perto de 18h de impressão nesse ponto).

Chaveiro impresso em duas cores de PLA

Chaveiro com duas cores, PLA Verde Fluorescente + PLA Preto.

O chaveiro acima ficou lindo, impresso a 0.10mm de resolução, e usando duas cores de PLa, preto na sola dos sapatos e o restante verde.

 

Mini Quad 3d

Mini Quad 3d

E o que não poderia faltar, um Mini quad feito na impressora 3d, já temos 3 desses prontos e estamos atualmente fazendo corridas de mini quads impressos, segue vídeo de uns treinamentos a algumas semanas atrás.

Caso alguém tenha interesse em comprar uma máquina idêntica a que usei nesse post, basta entrar em contato por email com o Rodrigo -> rca.starling [@] gmail [.] com

 

Abração!

Antonio Santos

Eletrônica – Analisador Lógico – Saleae Logic

24 de agosto de 2010

Olá a todos!

Hoje vou mostrar um novo produto muito util para todos que criam projetos eletrônicos, os analisadores lógicos, eles estão por aí a muito tempo, mas o custo de um analisador lógico era absurdo, até agora. Escolhi o Logic da Saleae por causa de diversos aspectos que irei abordar nesse post.

Mas em síntese esse pequeno gigante, é uma poderosa ferramenta para todos os hobbistas e até mesmo empresas do ramo de eletrônica, se você está tendo um problema para interfacear qualquer chip, usando os protocolos mais comuns como I2C, SPI, Serial entre outros. Além de mostrar o sinal digital ele decofica os caracteres, coisa que a maioria dos osciloscópios não conseguem fazer.

Aqui vai a lista de algumas das melhores coisas do Logic:

– Baixo custo, 150 dolares.
– Capacidade de armazenamento de até 500M samples com velocidades de até 24MB/s.
– Design fabuloso feito em alumínio anodizado.
– Tamanho reduzido, você pode levar com você para todos os lugares 4,1 x 4,1 x 0.9 cm.
– Cabos curtos e super flexíveis.
– Pontas de prova E-Z-Hook XKM Micro-Hook que é fácil e seguro.
– Proteção de ESD e sobre voltagem.
– 1 ano de garantia.

– Software intuitivo, você pode mover para esquerda e direita, clica e arrasta e zoom.
– Dados importantes como período, frequência, ciclo são todos calculados automaticamente, e você pode escolher entre mostrar todos ou somente os mais relevantes.
– Temporizadores, quando comparado com outros analisadores, é aqui que o Logic é o melhor, nada supera o modo como os tempos entre cada subida e descida acontece, basta passar o mouse por cima para ver os tempos.
– Possui um trigger de 4 camadas que o software só vai começar a gravar quando todos os triggers tiverem ocorrido.
– Você pode salvar cada sessão, dados, configurações e etc em um arquivo comprimido, e pode enviar a um colega por email.
– O Logic permite que você exporte os dados em uma grande variedade de formatos.
– Você pode tirar imagens de todo o conteúdo, salvar em disco ou no clipboard facilmente, sem ter outras ferramentas.

– Analisador de protocolo serial, com opção de auto-baud, mostra os bytes em Hex, Octal, Ascii ou decimal automaticamente.
– Analisador de protocolo SPI, esse protocolo utiliza vários fios, e várias temporizações, e é muito difícil de achar um problema simples sem um analisador lógico, basta ligar o Logic em todos os fios de comunicação, escolher o modo SPI, e você vai conseguir ver todos os bytes em Hex, Octal, Ascii ou decimal, além de poder verificar todos os pinos requeridos como o CPOL.
– Analisador de protocolo I2C, se você pensa em hackear o wiimote, trabalhar com relógios i2c e etc, com o analisador de protocolo I2C você vai conseguir ver a lógica da comunicação I2C, e ver os bytes em Hex, Octal, Ascii ou decimal automaticamente.
– Analisador de protocolo 1-wire, vastamente utilizado por CIs para diversas aplicações, o analisador também é capaz de mostrar os bytes em Hex, Octal, Ascii ou decimal automaticamente.
– Atualmente só funciona com o Windows, mas já está sendo liberada uma versão para Mac OS.

Bom, agora que já passei tudo que esse analisador faz, fiz um vídeo de unboxing (tirando da caixa), e a partir de agora, vou fazer uma série de vídeos de como utilizar esse analisador para facilitar a vida de quem desenvolve circuitos digitais.

Abraço a todos!

Antonio Santos